11 setembro 2016

Modernices milenares

Afinal as solas ditas «plataforma» não são invenção recente...

)


(Museu de Micenas: estatueta articulada proveniente de um altar da Casa do Oeste, do período do Heládico Médio - 2000/1900-1550 a.C.)

Notinha: Este blogue faz hoje 10 anos, mas não merece parabéns, pois por aqui publica-se pouco.

5 comentários:

Gi disse...

Só hoje vi este post por isso os parabéns vêm atrasados... Esta hábito de blogar foi-se perdendo, não é? Só apetece às vezes, quando o Facebook é totalmente inadequado.
Tenho visto uns sapatitos ao estilo romano mas não me atrevi a perguntar onde tinham sido comprados. Tenho mesmo de perder a timidez!

Vacances au Canada 2007 disse...

Hoje a Rita nos conto de novo do teu blog! Ja o ví, mais existe mesmo. Parabéns!

Mister Vertigo disse...

Venho um bocadinho atrasado, mas estive ausente durante alguns anos, direi perdido numa ilha grega:), espero que continue a publicar neste belo blogue, pois ele ainda se revela uma bela lufada de ar fresco.
PS - Fui seu leitor durante alguns anos.
Muitos parabéns!
Cordialmente

Anónimo disse...

Felicitações pelo seu 'trabalho' no blog. Boas ideias e temas, e muito boa escrita — outra cousa não seria de esperar.
eao

Anónimo disse...

Fiquei a remoer...
Em adolescente vi um filme — Romeu e Julieta.
Provavelmente o seu nome dado que o tema era esse notável conto.
Numa festa social retratada estava uma mulher de 'má pinta' que usava o que hoje está em moda.
Um calçado 'compensado'. Do cimo de mais uns 8 a 10 cm, para mim, a figura além de nojenta era ridícula. Nos anos 60...
Criado numa família de mulheres bonitas, sempre olhei para as mulheres como peças de arte. Nem sempre o fabricante tinha sorte: também havia obras-de-arte estafermos. Só para explicar o nojo que tal figura me transmitiu.
eao