13 abril 2009

Que planta é esta?

(pormenor)

(raízes)
(vista de cima)

Há um mês e meio fui convidada a ir à EBI 2-3 Prof. Doutor Aníbal Cavaco Silva, em Boliqueime, pela Drª Carla Lopes, para falar dos meus Hércules e da cultura clássica, na semana da leitura. No final, recebi um belíssimo ramo de rosas e orquídeas envoltos em diversas ramagens. Uma delas era esta, que na altura (no dia 2 de Março) não passava de um tronco. Como o achei muito bonito e, numa semana, nasceram umas raízes vermelhas na jarra onde coloquei o ramo, resolvi mantê-lo dentro de água.

Acontece que não percebo absolutamente nada de flores e não sei o que fazer agora.
Planto na terra?
Mantenho na água?
Que planta é esta?
Sei que a Gi (uma boa razão para vires cá a casa, para além do Saylor), o Paulo e o JB (regressado da pérfida Albion) percebem de flores.
Será que eles (ou alguém mais) me podem ajudar?
Fico-vos muito agradecida. E a plantinha também.

6 comentários:

Anónimo disse...

Cara Xantipa.
Posso estar enganado, (pois não sou dono da verdade universal como bem sabes...) mas parece-me que a tua planta foi posta a criar raízes de cabeça para baixo...
Acho que dai não lhe vai vir mal.
Quanto a espécie, pela raiz nada se adianta.
Pelas folhas e flor parece ser um Híbrido da espécie Escallonia.
Se for é uma planta de exterior, sem exigências...

Oppugnatore

Gi disse...

Querida Xantipa, eu sei muito pouco de flores e infelizmente não sei o que é essa, embora tenha o maior prazer em conhecê-la pessoalmente um dia destes :-)

Maria Carvalho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo disse...

Sinto muito, mas também não sei de que planta se trata. Talvez possa mostrar mais umas imagens quando as flores abrirem. E mesmo assim, nunca se sabe...

JB disse...

Eu é mais árvores, amiga. Mas penso que devias falar um pouco com ela, dizem que lhes faz bem. Ajudou? :D

Maria Carvalho disse...

É um raminho de salgueiro. O mais provável é que seja da espécie Salix atrocinerea, e estas sejam inflorescências femininas.