22 maio 2009

A sétima filha

Desde que me lembro, fui confrontada com a realidade da vida e da morte.
Sempre soube que só nasci, porque a minha irmã mais velha tinha morrido, pois não seria intenção dos meus pais terem sete filhos.
Nunca fiquei contente por os meus pais terem passado pela morte de filhos (já vão em 4), mas neste caso específico... tenho de admitir que estou contente por ter nascido.
Sei que foi muito difícil para os meus pais fazerem festas em vez de ir ao cemitério e eu agradeço-lhes por isso, por não terem tornado este dia cinzento, mas sempre um dia de festa.
Obrigada e muitos beijinhos, Mãe. Quando aí for mostro-lhe este postal.

20 comentários:

Angela disse...

Parabém Adriana querida. É um grande orgulho para mim ter-te conhecido. Mesmo num dia cinzento, o sol brilha sempre à tua volta, tu irradias luz e energia possitiva. Que sorte a minha ter-te conhecido e fazer parte do grupo de pessoas com quem partilhas os teus saberes. Um grande beijinho e um dia FELIZ. Ângela

Anónimo disse...

Se eu tivesse poder para tal, acho que serias a pessoa indicada para chefiar a Direcção de Faróis...

Faz o favor de permaneces por cá muitos mais anos, para que nós nos possamos gozar da tua companhia e da tua luz.( sei que pode soar a egoísmo mas é assim mesmo !)
Um dia feliz!


Oppugnatore

Gi disse...

Minha querida, estava à espera que postasses para te dar os parabéns e desejar-te um dia lindo.
Se passares no meu blog, o cartaz que a minha meez empunha é para ti :-)

claras manhãs disse...

Parabéns Adriana
Um feliz dia!

Anónimo disse...

De Pessoa para Pessoa: Guarde-vos Deus; e que a Futura Divindade Tutelar das Estranhezas Irritantes Vos assente à sua mão direita!Parabéns

Anónimo disse...

Os meus melhores aniversários foram os teus... E nada foi de mais!Parabéns Adriana.
Parabéns Sempre.

Tiago Taron disse...

muitos parabéns, é muito bonito o que acabei de ler, por instantes parecia que estava a ler um parágrafo do Pedro Páramo,quando agradece aos seus pais (até ao "e eu agradeço-lhes por isso), é bonito, muito.

S.M. disse...

Atrasada como sempre... mas com muita alegria te dou os PARABÉNS!!! Pois, tu foste uma malandra, até a nascer. Tornaste o dia 22 de Maio numa festa. Não levaste a dor, mas certamente que a tornaste mais suportável. Até porque és assim: a alegria em pessoa, o optimismo e a crença nas coisas boas: Obrigada por seres minha amiga. Beijinhos, beijinhos e beijinh@s de amiversário :)

adsensum disse...

De grande sensibilidade este seu post, Xantipa.
Um abraço.

Rogélia disse...

Linda Menina,

Estive à espera que respondesse à minha mensagem de ontem e fiquei triste por nada ter recebido, mas feliz por me ter lembrado!!!

Tenho pena de não ter tempo para "coscuvilhar" o seu blog, mas hei-de tê-lo em breve e então sim, quem sabe se não criarei também um.

Mais muitos (mais de sete) beijos de Parabéns querida Adriana.

Rogélia

Rute Mendes disse...

Senhora Sócrates:

Olá! Eu sou a sobrinha-neta da Rogélia. Gostei muito dos seus livros do Hércules. Gosto muito do modo como escreve, pois enquanto estava a ler parecia que estava "dentro do livro".
Acho que devia escrever mais livros sobre mitologia grega pois são muito interessantes.

Beijinhos da Rute.

P.S: PARABÉNS! (atrasados)

André Benjamim disse...

Olá Adriana,

Antes de mais obrigado. Mais uma vez esqueci-me! Em minha defesa tenho apenas o facto de eu detestar este dia! Nem sequer vim à net... Ou melhor, lá para o final do dia, para ler e-mails e responder... O meu post já estava agendado... Não sei bem porquê, talvez porque não goste de envelhecer, não sei... Admiro muito quem celebra o dia de anos com alegria, como tu...

Muitos Parabéns, ainda que atrasados, e muitas felicidades!

Muitos Beijinhos.

André

josepha ali do lado disse...

Adrianinha querida!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Atrasado, mas ainda a tempo de lhe dar os parabéns e desejar um resto de dia feliz ( as velinhas só se costumam apagar á noite, não é?)

Anónimo disse...

Apesar de já ir atrasada não queria deixar de lhe enviar os meus sinceros parabéns e votos de que por muitos mais anos possa repetir a felicidade que tem vindo apenas a experimentar ao longo dos anos que já passaram.
Mais uma vez muitos parabéns.
Já agora, o meu filhote fez no dia 21. Ele com certeza também gostaria de ter partilhado consigo o bolo de chocolate que lhe oferecemos ;)
Um beijinho
Ana Paula

elmina disse...

Olá Adriana

Eu conheci bem o seu pai o sr NOGUEIRA assim como a sua avó ( quando era preciso umas linhas uns botões etc,etc lá iamos nós a D.ESTELA).Assim como conheço os seus irmãos (o JOÃO já desaparecido infelismente). Eu sou natural do Bombarral mas vivo em ALBUFEIRA.

Xantipa disse...

Obrigada, Ângela! Foste a primeira!
:)

Obrigada, Oppugnatore, querido amigo!

Obrigada Anónimo(s) desconhecido(s), mas que parece que me conhece(m).

Obrigada, Tiago! Espero as pinturas...
:)

Obrigada, Sarita!
Beijinhos!

Obrigada, Adsensum!

Obrigada, querida Rogélia! Mais uma vez peço desculpa pelo atraso na resposta ao sms.
:)

Obrigada, Rute! A tua tia já me falara de ti! Fico muito contente por saber que gostaste dos Hércules!
:)

Obrigada, André! É verdade, gosto mesmo de comemorar o dia dos meus anos. Pode ser que um dia aprecies a passagem do tempo. Não adianta estar contra...
:)

Obrigada, Josepha. De Óbidos?

Obrigada, Carlos! Nunca é tarde!

Obrigada, Ana Paula! E um beijinho de parabéns ao seu filho também!
:)

Obrigada, Elmina, por ter passado por aqui. Toda a gente conhecia a nossa loja! Sou suspeita a falar, mas acho que a minha avó (chamavam-lhe Estela, mas era Stela) era a gentileza em pessoa.

Xantipa disse...

Queridas Gi e Minucha,

Desculpem, mas na profusão de comentários, saltei os vossos. No fim é que me lembrei!
desculpem e muito obrigada pelos votos de parabéns.
Beijinhos

José Teófilo Duarte disse...

Bonita memória.
Parabéns.

Leonor disse...

Parabéns muito atrasados, Adriana! A vida deve ser sempre celebrada. A minha mãe também faz anos a 22 de Maio. Um beijo