24 dezembro 2007

Sicelides Musae...

Ó musas da Sicília, cantemos algo mais elevado.
Os arvoredos e as pequenas tamargueiras não agradam a todos;
Se cantamos as florestas, que as florestas sejam dignas de um cônsul.Já está a chegar a última era da profecia de Cumas;
a grande ordem dos séculos nasce, de novo.
Já está a regressar a Virgem, regressam os reinos de Saturno,
já uma nova descendência é enviada do alto céu.
Tu, casta Lucina, favorece a criança que está quase a nascer,
Pela qual, primeiro, terminará a geração de ferro,
e surgirá em todo o mundo a era de ouro; o teu Apolo já reina.


Vergílio, Bucólica IV, vv. 1-10

3 comentários:

Gi disse...

Este é o texto que os cristãos decidiram entender como uma profecia referente ao nascimento de Jesus, mas que não passa, como parece óbvio no post seguinte, de um elogio a Gaius Asinius Pollio, consul em 40 BCE, e desejos de felicidades para o respectivo rebento prestes a nascer.

Xantipa disse...

eheheh
Por isso parti o texto...
;)
Beijinhos!!

sinedoque disse...

Xanpita, passo para desejar um Feliz Natal, com muitos afectos e tranquilidade.

Um beijinho