10 outubro 2008

Presente grego


«Receio os Dánaos, mesmo quando trazem presentes»


Com esta frase e por ter atirado uma lança ao cavalo que os Gregos introduziram em Tróia, Lacoonte condenou-se...

http://flickr.com/photos/roseruf/2335182209/

Lacoonte, sacerdote de Neptuno (...), sacrificava um enorme touro diante dos altares rituais. Eis senão quando duas serpentes (arrepio-me ao contá-lo!) (...) se alongam sobre o mar com os seus imensos anéis, dirigindo-se a par para a costa.
Os seus peitos erguem-se por entre as ondas e as suas cristas cor de sangue elevam-se acima das vagas; atrás a parte restante corta o mar e encurva o dorso imenso em circunvoluções.
Ouve-se um marulhar nas águas cheias de espuma.Já tinham alcançado os campos, com os olhos faiscantes raiados de sangue e fogo, e lambiam com as línguas vibrantes as bocas que silvavam. À vista disto fugimos cada um para seu lado sem pinta de sangue.
A primeira das duas serpentes, tendo envolvido os pequenos corpos dos seus filhos, enrosca-se em volta de ambos, devora-lhes os desgraçados membros à dentada, depois apanham-no a ele próprio, que acorria a socorrê-los de armas na mão e enleiam-no com as suas enormes espirais. E tendo-lhe envolvido por duas vezes a garganta com os seus dorsos escamosos, ficam ainda com os pescoços sobranceiros. Ele esforça-se por desfazer os nós com as mãos, com as faixas rituais manchadas pela baba e pelo negro veneno, ergue aos astros horrendos clamores, semelhantes ao mugido que solta o touro ferido (...).


Vergílio, Eneida, II, 201-224. Tradução coordenada por Luís Cerqueira e publicada em 2003 pela Bertrand Editora.


http://www.insecula.com/oeuvre/O0011967.html


http://oureboros.blogspot.com/2008/01/couple-of-maquettes.html


http://www.tigtail.org/TIG/S_View/TVM/X1/c.Mannerism/el-greco/el_greco.html


http://flickr.com/photos/susancarterhall/2051071764/

2 comentários:

Horácio Salgado disse...

Aquele cara musculoso não tem a mão e o...... Coitado. Bem... desculpe-me...

Horácio Salgado disse...

O homem musculoso perdeu uma mão e o....... Coitado. Bem... desculpe-me...