16 outubro 2006

De Coena/ Sobre o jantar

De vez em quando, para variar, ponho-me a tentar traduzir as regras da escola de medicina de Salerno.
Aqui fica uma, pós-prandial:

Ex magna coena stomacho fit maxima pena.
Vt sis nocte leuis, sit tibi coena breuis.


Por um grande jantar, faz o estômago muito penar.
Para que à noite te sintas leve, que o jantar te seja breve.


Regimen Sanitatis Salernitanum, V.

2 comentários:

Teresa disse...

O nosso jantar de hoje teve a justa medida para ser breve e para nos deixar leves. Cumprimos à risca as regras da escola de Medicina de Salerno...

Anónimo disse...

Sim, às vezes porque isto de quem trabalha à pressão não tem muito tempo para almoçar e se não janta...não dorme.