29 novembro 2006

Características dos que cometem a injustiça

As pessoas cometem injustiça quando pensam que a acção se pode cometer e ser cometida por elas: ou porque entendem que o seu acto não será descoberto ou, se o for, que ficará impune;
(...)
Quem sobretudo pensa que pode cometer injustiça impunemente são os dotados de eloquência, os homens de acção, os que têm grande experiência de processos, se tiverem muitos amigos e forem ricos.

Aristóteles, Retórica, 1372a. Tradução de Manuel Alexandre Júnior et al., para a INCM, 2005, segunda edição revista.

4 comentários:

Manuel disse...

Aristóteles, no seu melhor...

Muito apropriado!

8)

marta disse...

Podes ccrer. Vê-se todos os dias e mesmo com pessoas da família.

BIGMAC disse...

A injustiça é baseada em valores de sociedade e quem a comete deseja atingir outros valores essencialmente próprios mas que são também almejos da sociedade.

Xantipa disse...

O que Aristóteles tem de bom é esta «sistematização» que faz de tantas coisas que sabemos...